Óticas Precisão

Dia do Estudante: lentes mais indicadas para quem lê e passa muito tempo em frente ao computador

Horas e horas debruçados em livros, muitas anotações e resumos, pesquisas, troca de experiências, resolução de exercícios. Uma rotina inteira pautada em aprender incessantemente. É assim a vida dos estudantes, que são lembrados de maneira especial na data de hoje: 11 de agosto.

Mas como surgiu a comemoração desse dia? Foi em 11 de agosto de 1827 que o imperador Dom Pedro I assinou um decreto imperial, que criava dois cursos de Direito no Brasil. Antes disso, não existiam faculdades por aqui e quem desejava fazer um curso superior tinha que ir para fora do país. Cem anos depois da criação desses cursos, a data passou a ser voltada para homenagear todos os estudantes.

E mais do que nunca, é preciso reconhecer o empenho de milhões de alunos espalhados pelo país que não medem esforços para continuar adquirindo conhecimento, mesmo em tempos tão conturbados, em que uma pandemia exigiu transformar o quarto ou a sala de casa em sala de aula.

E o que isso tem a ver com saúde visual?

A nova rotina imposta pelo coronavírus tirou o “olho no olho” com o professor e com os colegas e intensificou o “olho na tela”. As aulas online passaram a ser obrigatórias mesmo para quem não tinha familiaridade com o ensino à distância. E além de mexer com a socialização e o lado emocional dos estudantes, essa nova realidade também trouxe diversas implicações para a saúde visual: afinal, mais tempo exposto às telas e a um ritmo de leitura intenso pode gerar uma fadiga na visão.

E como as lentes ópticas podem melhorar a experiência de estudo?

Uma lente de qualidade pode evitar o desgaste da sua visão, dando mais conforto para estudar sem interrupções e incômodos. Geralmente quem passa muitas horas lendo em livros físicos ou em aparelhos eletrônicos pode desenvolver alguns sintomas como: dores de cabeça, cansaço, vermelhidão, ardência ou irritação nos olhos, visão turva e ressecamento.

Felizmente, o mercado óptico oferece várias opções para esses casos:

– Lentes antirreflexo

Recebem um revestimento especial e assim conseguem reduzir os reflexos de luz indesejáveis, deixando o óculos mais transparente e a visão mais nítida. É uma espécie de barreira, que além de melhorar sua experiência visual, ainda deixa mais prática a manutenção do óculos, pois o antirreflexo serve como uma “película” na lente. Sem contar que as pessoas conseguem enxergar melhor seus olhos através desse tipo de lente. Com certeza, protege muito mais sua visão das luzes dos aparelhos eletrônicos.

– Lentes com proteção contra a luz azul

Celular, tablet e computador expõem nossos olhos ao contato com a luz azul violeta, que pode provocar vários tipos de danos à retina. É também a responsável por gerar algumas alterações no sono. Por isso é tão importante filtrar essa luz nociva, mesmo se você não tiver necessidade de usar óculos de grau.

As lentes conhecidas como “blue light” impedem que a luz violeta chegue à retina, deixando passar apenas a luz turquesa, que é benéfica. Isso resulta em menor cansaço ocular, mais qualidade no sono, diminuição da dores de cabeça, mais proteção contra doenças como catarata e degeneração macular.

– Lente especial Voltz Acomoda

Essa é uma lente especial oferecida com exclusividade pelas Óticas Precisão em Cascavel. Recomendada para usuários de 18 a 45 anos que tenham sintoma de fadiga visual, a lente Voltz Acomoda foi desenvolvida para melhorar a experiência visual com aparelhos eletrônicos.

No vídeo abaixo, você vai entender melhor porquê ela é tão indicada:

Queremos proporcionar aos estudantes mais conforto para assimilar o conteúdo da melhor maneira possível. Por isso, conte com a gente para indicar as melhores lentes para o seu caso. Nossa equipe pode te orientar: (45) 9 9842 1731.

Leave a comment